PAPO DE MULHER AJUDA: Relacionamentos tem prazo de validade?

Olá meu nome é X, tenho 20 anos e namoro já faz 3 anos e 4 meses. Meu namorado tem 31 anos. Quero que me ajude, nos primeiros quatro meses meu namoro era intenso cheios de desejos, loucuras, adrenalinas, sexo em vários lugares, ele foi o meu primeiro a ter relação, porém depois dessa época ele parou de me beijar loucamente, começou a me dar selinhos, não me abraçava mais em público nem sequer o selinho em público, ok pensei que seria o jeito dele. Por ter perdido a virgindade com ele, no começo eu não era apaixonada só depois que comecei a amar ele que me entreguei de verdade, porém já estamos a 3 anos juntos, e agora deve rolar sexo umas 3 a 4 vezes no mês, sendo que até ano passado era praticamente todos os dias, estou me sentindo tão indesejada, ainda mais que não consigo ter orgasmo na relação, as vezes ele me pede pra fazer oral nele e ele acaba gozando sem ao menos tocar em mim ou me beijar, é raro ele me beijar de língua, até como preliminar que não rola, eu to muito triste e chateada com isso, já conversei com ele varias vezes sobre, porém ele sempre me diz que é o jeito dele, mas as vezes eu tento aceitar, mas o desejo acumula dentro de mim que não consigo segurar por muito tempo. Já pensei em trair, mas não consigo porque o amo muito, e também não consigo terminar. Tem vezes que ele faz sexo tão rápido que me sinto usada, não sei o que fazer, me ajuda, me ajuda de verdade, quero ser feliz :'( obrigada até então.

Querida X., o seu caso parece muito complicado e intenso, mas acredite, muitas de nós passamos pelas mesmas coisas. Vamos refletir um pouquinho sobre o que está acontecendo.


Relacionamentos tem prazo de validade?



O início de um relacionamento é sempre intenso. Os beijos são deliciosos, o toque eletriza nossa pele, o cheiro inebria nossa mente, e só pensamos e ficar mais e mais com quem amamos. Isso acontece porque o ser humano tende a sentir com mais intensidade coisas novas. Experimente colocar aparelho odontológico. Ele vai encher sua boca de aftas, vai doer, vai incomodar... até que você se acostuma. O mesmo acontece com o amor. As sensações novas que ocorrem quando nos relacionamos são sentidas em graus elevados. Porém, como o ser humano se adapta a tudo, com o tempo essas sensações se tornam normais, cotidianas, comuns, e a gente se acostuma. Perdemos a empolgação da novidade. Isso significa que relacionamentos tem prazo de validade? Não... isso significa que um relacionamento é como uma planta que temos que regar todos os dias pra que ela não morra.

O que está acontecendo com ele?



Como eu disse, é normal que o tesão e os amassos dêem uma apagada com o tempo. Casais que tem um relacionamento longo acabam transando menos e se beijando menos de língua. Mas isso não significa que eles deixaram de se amar... apenas se acostumaram consigo mesmos.

Agora, existe um grande problema com seu amado: o fato de ele não se preocupar com seu prazer. O sexo envolve duas pessoas, e se uma das duas não sair satisfeita, há algo errado. E pelo que você disse isso não acontece de vez em quando, mas quase sempre.

Num relacionamento, precisamos nos sentir amadas e desejadas. Se sentir usada pode acabar com sua auto estima, prejudicando seriamente seu emocional. Você disse que já conversou com ele, mas ele diz que é o jeito dele. Você sabe que isso não é desculpa, porque antigamente ele não era assim. Além disso, quem vai querer ficar com um homem que não se importa com o prazer da parceira?

Não sei se o problema dele é egoísmo, ou se ele pode estar com problemas psicológicos. Mas uma coisa é certa: isso não pode ficar do jeito que está.


O que eu devo fazer?




Você o ama muito, e eu sei que não quer ouvir que deve largar dele e procurar alguém que te dê amor, valor e prazer de verdade. Mas se você quer mesmo continuar investindo nessa relação, é preciso renovar e reacender a chama que se apagou.

Você pode tentar planejar uma noite diferente. Um jantar, um vestido bem sexy, uma lingerie provocadora e um motel. Chame ele para um programa a dois, em um dia que você tenha certeza que ele está tranquilo, sem compromissos no trabalho. Jantem com calma, e durante o jantar tente se mostrar feliz, divertida, segura de si. Mas não seja romantiquinha. Sem eu te amo, sem carinho. Não se ascende fogo com algodão. É com lenha. Ao te ver segura de si, deliciosa e ao mesmo tempo indiferente, isso vai dar um nó na cabeça dele. Quando forem para o motel, ao entrarem no quarto  tranque a porta e deixe bem claro: o sexo vai ser do jeito que VOCÊ quer. E ele não vai sair dali sem te deixar bem satisfeita. Mostre sua lingerie, beba um vinho e o seduza da maneira que você sabe que ele gosta. Pode fazer oral nele, mas ele não vai gozar na sua boca. Oral será preliminar porque vocês saíram para transar, e essa transa vai ser gostosa e de verdade como há muito tempo vocês não fazer. Faça ele te tocar, deixe-o louco, e ele vai te desejar como nunca. 

Se não sair uma transa selvagem disso, sinceramente esse cara está com sérios problemas. E aí você tem que parar e repensar sua vida: vale a pena continuar com alguém que só se importa consigo mesmo?

Uma noite assim é o começo. Se funcionar, você vai ter que continuar com jogos de sedução. Se ame em primeiro lugar, porque isso vai te renovar e te fazer se sentir mais linda. E quando você se sentir segura de si, ele vai ter orgulho de ter você do lado dele, e automaticamente medo de te perder.

Espero que dê tudo certo.
Boa sorte!

E você, precisa de ajuda?
Escreve pra gente papodemulhercontato@hotmail.com

Jakisses!!!

Postar um comentário

Deixe seu comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...