Coceira na perseguida: nem sempre é candidíase

Marcadores:
Hey ho pitchuletes amadinhas. Que mulher nesse mundão de Deus nunca acordou com uma coceira de morrer na tchotchola hein? É desesperador, porque não dá pra coçar direito, e se você coça você pode até se machucar. Aquela coceira intensa que parecem mil bichos te mordendo lá dentro da vagina é agoniante. Então, como humano internectualizado você vai no doutor google, e se digita 'coceira na vagina', a primeira opção que aparece é: CANDIDÍASE.


Sim amigas, essa é uma vilã muito comum, que destrói a felicidade da mulherada por aí. O sintoma principal da candidíase vaginal é a coceira sim, mas outros sintomas tem que combinar com a coceira pra se ter certeza do diagnóstico: corrimento branco com grumos (pedacinhos que parecem papel higienico picado), vulva inchada e dolorida, dor na relação sexual e em alguns casos até feridinhas nos pequenos e grandes lábios, além de ardência pra fazer xixi. 

A candidíase é algo comum e fácil de curar, é só passar aquela pomadinha e tchan, tchau coceira e dor. O que deixa a mulherada arrancando os cabelo é quando a maldita volta... e volta... e volta de novo. Aí o problema está mesmo na sua imunidade. Mas você não precisa chorar. Você precisa é rever sua vida e seu conceito alimentar. Cortar fritura e açucar, tomar vitamina C, fazer exercícios, se lavar uma vez por dia com bicarbonato de sódio ou fazer banho de assento, lavar as calcinhas com vinagre e deixar secar ao sol são pequenas atitudes que demoram a dar resultado, mas com o tempo eliminam a candidíase da sua vida de vez. Mas são hábitos pra vida inteira hein! Voltar a comer doce e fritura depois de um tempo pode, mas moderadamente. 

O desespero acontece mesmo é quando a gente passa pomada e a COCEIRA NÃO PASSA!!! E amiga, se a pomada não alivia em nada a coceira em 2 ou 3 dias, e você não tem outros sintomas além da coceira... ISSO NÃO É CANDIDÍASE!!!

Descobri isso da forma mais sofrida do mundo. Sofri de coceira e ardencia vaginal intensa por 3 meses, que mais pareceram anos. E sim abiiiigas, fui no ginecologista, um velhinho sem noção que olhou pra minha colega aqui de baixo e disse com toda sua certeza que era candidíase. Não sei aonde ele viu candidíase, se eu não tinha corrimento... mas tudo bem. Ele receitou uma pomada com antimicótico e antibiótico, passei por 10 dias... e a coceira continuou ali. Voltei chorando as pitangas depois de 15 dias, e estava menstruada, então não pude fazer exame clínico. O mesmo médico me disse que era normal as vezes não passar (AAARGH), e me receitou fluconazol comprimido e candicort pra passar na vulva. Confesso que o candicort deu um alívio na coceira, mas esse alívio durava no máximo meia hora, e voltava tudo. E mais 15 dias se passaram e nada da danada da coceira sumir.

Depois de pesquisar na internet e ler relatos de mulheres desesperadas sobre candidíases incuráveis, sobre viver sem sexo e sem doces, sobre terem consultado até infectologistas e gastados milhões sem sucesso, eu queria morrer. Não queria ser mais uma infeliz na face da terra condenada a viver com coceira e dor... Então enxuguei as lágrimas e disse: VOU PROCURAR OUTRO GINECOLOGISTA.

A outra ginecologista, uma mulher, no momento que eu disse que não havia corrimento, já afirmou que não era candidíase. Disse que eu devia fazer exame de urina URGENTE. Mandou eu jogar todas as minhas calcinhas fora e comprar novas somente de algodão. Fiz papanicolau e exame de urina.

Depois de três dias o resultado dos exames saíram. Pra minha surpresa, no papanicolau não havia NADA de cândida mesmo, nem nenhum tipo de fungo ou bactéria maligna. Já no meu exame de urina acusou uma bactéria que se chama Protheus mirabilis. Receitaram ciprofloxacino para mim, por 10 dias. Em 2 dias eu já não tinha mais coceira nenhuma.

Daí você me pergunta: mas infecção urinária pode dar coceira? Sim, colega, pode. Por isso que o doutor google é meio falho. Você vai encontrar o que afeta a maioria, mas nem sempre você faz parte da maioria. Já tive muitas infecções urinárias, mas ano passado foi a primeira vez que senti coceira sem ardor pra urinar. Porque pra nós mulheres o maior sinal de infecção urinária é a dor na bexiga, xixi com sangue ou ardencia na uretra. Mas essa bactéria, em especial, provoca COCEIRA na xoxela todinha, muito parecida com a coceira da cândida, mas sem corrimento. E meu único sintoma era coceira. Uma infecção urinária cujo o único sintoma era coceira.

Isso pode ser causado por higiene errada ou sexo anal sem camisinha. A bactéria Protheus vive no nosso intestino. Se ela tiver contato com a vulva, pode subir e colonizar a uretra. Por isso, camisinha sempre! E limpe sempre de frente para trás.

Esse ano tive uma coceira novamente, como no ano passado, sem corrimento. Testei a pomadinha pra cândida, e nada da coceira sumir. Tentei a mesma ginecologista da primeira vez, mas estava fora. Outros ginecologistas parece que não se importam com seus sintomas e sempre ditam o padrão. Na outra gineco que fui, ignorou meu histórico e me mandou passar candicort até sumir. E eu sentia que não ia adiantar. Então fui em uma unidade de pronto atendimento, falei que estava fazendo xixi com sangue (o que não era verdade, mas era o único meio de conseguir um antibiótico para infecção), e me receitaram o abençoado ciprofloxacino. Foi tiro e queda. Em dois dias eu me sentia novinha em folha.



Nessa história fica também a importância de se procurar um profissional que se importe com os pacientes, que os ouça e entenda que o padrão nem sempre resolve. Fazer exames é crucial. A única ginecologista que eu confio é essa que me pediu os exames e constatou o que os outros médicos ignoraram. Coceira nem sempre é candidíase, ouça seu paciente caro médico. 

Se você tem uma coceira vaginal persistente, já usou pomadas e não passou, e não tem corrimento, peça ao seu médico encaminhamento para exame de urina. Se aparecer a bactéria no laudo, você saberá exatamente o que você tem, e o remédio certo para você.


Jakisses!


  1. Olá! Eu sou daqui de Portugal e há 2 meses que penso que estou com candidiase, mas será? Já fiz 4 tratamentos e nada. Melhor explicar: uma vez tomei um antibiótico (amoxilicina) para infeção urinária, e é muito frequente ele dar candidiase. E deu, que coceira insuportável, fui à médica e ela me passou comprimidos e um creme. Passado uns dias, depois de estar com o meu namorado (fizemos coisas lá atrás, não à frente), a minha bexiga começa a ficar doida. Sim, doida. Eu bebia algo e sentia-a logo a encher, comecei a sentir picadas e pontadas na área genital, e também coceira. Nada de corrimento. Eu bebia água e ela já não tinha a mesma tolerância que tinha antes, enchia mais depressa e até doia a urinar, na bexiga e barriga. Fui à médica e disse que era apenas irritação e passou um creme para a candidase. Não passou. Passado uns tempos fui a outra médica e fiz tratamento por comprimido oral por 1 mês, nada. Fui a outra e ela receitou outro tratamento e não passou, não...Agora tenho um corrimento, mas provavelmente foi do tratamento. Na terça tenho consulta e vou exigir análises de urina. Acho demasiado estranho a bexiga não estar bem e isto da coceira, picadad e pontadas também não. Ando há 1 mês sem qualquer tipo de açúcar, perdi 3kg, como imensos iogurtes naturais. Não sei se você responde aos comentários, mas decidi deixar o meu testemunho. Tudo de bom. :)

  1. Precisa tomar cuidado com o ciprofloxacino, por que se for realmente candida, você pode piorar ainda mais a infecção!

  1. É exame simples de urina, como Eas?

  1. Nesses casos geralmente é realizado o exame de urocultura, que é um exame complementar do diagnóstico de infecção urinária, onde é possível identificar quais bactérias estão provocando a infecção.

  1. Miga vc é sensacional! Ri tanto com os apelidos pra tcheka q ate passou a coceira kkkk.Vou fazer exame de urina agora.Valeu gde bjo

  1. Ain....tomara que seja isso..pq coceira na pitrica ninguem.merece......amei seu post.....parabens...

  1. Eu estou com a coceira e corrimento branco parece nata há 3 semanas. Na primeira semana fui na farmácia pois era sábado, comprei nistatina. Dai na segunda fui no ginecologista, ele me receitou secnidazol e banho de acento com Flogo Rosa. Achei que piorou. Dai passou uma semana fui no pronto socorro. A ginecologista de plantão pediu que os medicamentos passados não era pra candida, e que eu estava com candidíase. Então ela prescreveu a pomada Trivagel, mais bicabornato de sódio para banho de acento. E fluconazol. Achei que melhorou nos primeiros dias, o corrimento sumiu. Mas a maldita coceira está aqui. Agora comprei o Lucretin em sachê que está me ajudando quanto a coceira. Hoje é sábado mas segunda vou procurar outro médico. E pedir exames. Estou também com alergia na boca. Jesus não sei o que fazer.

  1. Menina, eu acho que é isso! Sempre que eu recorro ao Google, paro e penso na melhor maneira de 'perguntar' pra chegar o mais perto do que eu preciso. Quando eu procurava coceira na vulva, aparecia candidíase em minhas pesquisas. Mas a gente se conhece, né? Eu sentia que não era isso pq eu não tenho corrimento de forma alguma. Só coceira e tbm notei diferença na cor, no cheiro e na quantidade da minha urina. Mas sem dor, sangue ou ardência. Então eu coloquei coceira que não é candidíase na busca. E ai encontrei vcs. Não digo que seja esse o meu problema, mas é muito mais plausível. Será?? Vou olhar meu último exame. De qqr forma já ta na hora de fazer novos. E sabendo o que pode ser, já vou prevenida pra tocar no assunto com a médica. Vlw, pessoal!!

  1. Olá colegas! Li toda a matéria postada e como a colega conseguiu um antibiótico que a ajudou. Mas gostaria de deixar registrado aqui como aconteceu comigo e o que fiz para resolver um problema tão grave que é a coceira, ardência, que horas parece uma infecção urinária, outra hora cistite, etc. Depois de ir ao médico e ser receitado vários antibióticos que não melhorava nada, passei a tratar com banhos de assento, chás, restringir o uso de lactose( pois a lactose é inflamatória e faz aumentar fungos e bactérias ruíns no organismo), melhorar a alimentação me tornando uma vegetariana, fazer exercícios físicos, etc. Comecei também um tratamento com uma médica homeopática que graças a Deus me ajudou muito e em 3 meses de tratamento eu já estava muito bem. Parei de ir na médica e atualmente estou a 7 meses sem ter nenhum problema dessa ordem. Vale muito fazer o melhor por nós mesmas e sacrificar algumas coisas em prol da saúde e qualidade de vida! Bjs.

Postar um comentário

Deixe seu comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...