TUBBY - Um TAPA na cara da Sociedade



E ele causou a semana toda! O aplicativo Tubby, que seria uma versão grotescamente machista do Lulu, fez com que os homens vibrassem achando que iriam ter uma ferramenta virtual para humilhar socialmente a mulher mais do que já faziam no seu cotidiano. E deixou as mulheres chocadas acreditando que seriam expostas e humilhadas mais uma vez de maneira viral!

Porém, hoje que seria o dia do lançamento do aplicativo, ao entrar na página do mesmo nos deparamos não com o acesso ao login, e sim a um vídeo, que é um TAPA NA CARA DA SOCIEDADE!!!

Vejam o vídeo:




Prestem atenção, caros leitores. Para entender de verdade a mensagem, ativem as legendas. A legenda verdadeira é a que aparece com o fundo preto.

O aplicativo Tubby não passa de uma brincadeira (ainda bem). Uma brincadeira que deixou claro como a sociedade machista está calcada no ódio e na diminuição de um gênero, no caso, o feminino. Ao se iludirem acreditando que o Tubby seria lançado, os homens enlouqueceram e ficaram cada dia mais ansiosos para se 'vingarem' do Lulu.

As pessoas não são objetos. E como dito no vídeo, ninguém tem direito de expor a intimidade de um relacionamento, nem dar notas, e muito menos resumi-lo a meras hashtags. Porém, com essa história do Tubby, ficou mais que provado que o ódio tem prevalecido, e que qualquer oportunidade que o cara tiver para humilhar uma garota com quem não está contente, ele o fará. É por isso que atualmente, temos tido tantos casos de vídeos íntimos jogados na internet com o único intuito de humilhação e vingança.


Mas... por que acreditamos nessa Brincadeira?

No vídeo, o rapaz asiático diz "Sério, caras, vocês caíram nessa bobagem?". Sim, não só os caras acreditaram, mas as mulheres também. E por que, se é uma coisa tão nojenta e idiota?

Simplesmente porque no mundo isso é COMPLETAMENTE COMUM! É comum a humilhação feminina, a propagação do ódio, a exposição da intimidade por vingança, e por aí vai. 

É comum, mas não é saudável. Isso é tão nocivo que tem sido a principal causa da mortalidade feminina no Brasil e no mundo. Todos os dias milhares de mulheres são espancadas, mutiladas, estupradas, e assassinadas. E a maioria desses crimes fica impune porque a sociedade machista prega que o homem é superior, e que tem o direito de fazer o que quer, e que se a mulher apanhou, foi estuprada ou até assassinada, é porque ELA PROVOCOU, ELA FACILITOU. 

Leitores, homens e mulheres, vamos repensar nossas atitudes e nosso ódio. Nossas diferenças se limitam à órgãos sexuais e cromossomos. Não sou menor que você só porque sou mulher, um gay não é menor que você só porque é gay. Temos que parar de propagar os ideais machistas que prejudicam não só a população feminina, mas aos homens também. Não temos o direito de julgar as pessoas pelo seu sexo, orientação sexual, cor, raça ou nível social. 

Chega de tanto ódio...

Jakisses!




Postar um comentário

Deixe seu comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...